Destaque 1 Economia Volta Redonda

Prazo de investigação de cartel de postos em V. Redonda é prorrogado


A comissão de vereadores de Volta Redonda, que apura o possível cartel entre os postos de combustíveis, prorrogou por mais 60 dias as investigações. O motivo seria que os parlamentares municipais estão aguardando um relatório final da ANP (Agência Nacional de Petróleo). Os técnicos do órgão federal estiveram na cidade três vezes nas últimas semanas percorrendo os postos.

Além da investigação do cartel, os vereadores pretendem investigar denúncias de que, em alguns postos, o volume de combustível indicado pela bomba seria maior do que o efetivamente colocado no tanque dos veículos, causando prejuízo ao consumidor.

Essa segunda denúncia, inclusive, já foi levada à Câmara Municipal por alguns consumidores, depois de ter sido divulgada em redes sociais por diversos motoristas e motociclistas da cidade.

Os vereadores que compõem a comissão – Rodrigo Furtado (PTC), Fábio Buchecha (PTB) e Maurício Pessôa (PSC) – têm sessenta dias para apresentarem um relatório.

Caso seja comprovada a denúncia, a Comissão Especial se transformará em CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) e as conclusões poderão ser encaminhadas a órgãos como o Cade (Conselho Administro de Defesa Econômica). A entidade é responsável de investigar, em nível nacional, a possibilidade de cartel.

1 Comentários

    • jojo 18:31

      Tudo pilantra esses donos de postos

Deixe seu comentário